Aguente firme: como o banco pode ajudar o empreendedor a superar a crise.

0
42

O momento é difícil. As medidas de combate ao novo coronavírus trazem consequências econômicas que repercutem nas empresas. Pequenos negócios são especialmente afetados e, muitas vezes, o empreendedor pode se sentir sem alternativas para atravessar a tormenta.

Com algumas medidas eficientes, porém, a empresa pode se preparar para a crise. Planejamento, gestão financeira competente e execução ágil são importantes para enfrentar esse período complicado.

Começa com um raio-x do seu negócio. Você tem de saber exatamente quanto gasta e recebe, quais são os custos absolutamente essenciais e a receita que pode ser afetada pela crise. Só com conhecimento total de sua empresa você poderá partir para um próximo passo, o de decidir o que cortar e com quem negociar.

O que for supérfluo pode ser cortado. Se você preferir, dialogue com seus fornecedores. Eles também podem estar passando por dificuldades e, certamente, não querem perder clientes. Estabeleça parcerias e estreite o relacionamento com outros empreendedores. Alimentar essa “rede” pode ser importante, inclusive, na hora da retomada pós-pandemia.

Não se esqueça que os bancos podem lhe ajudar nessas tarefas de gestão decisivas para o futuro do seu negócio. O Bradesco, por exemplo, oferece uma série de produtos voltados para o Microempreendedor Individual (MEI) neste momento de crise.

Quem tem loja física e ficou sem clientes pode mergulhar no universo digital sem custo. O Bradesco oferece, gratuitamente, loja virtual para o MEI colocar seus produtos à venda na internet.

O e-commerce faz parte de uma ferramenta gratuita valiosa que o banco oferece. É o Bradesco Gestão MEI, que permite ao empreendedor gerenciar sua empresa de qualquer lugar, com seu computador, tablet ou celular.

O Cielo Super Link, também disponível para os clientes MEI do Bradesco, oferece a possibilidade de receber pagamentos através de um link na internet, o que melhora a experiência de seus clientes na venda por meios digitais. Se você precisar de crédito, o banco ainda tem uma linha com 90 dias para começar a pagar.

Para aproveitar tudo isso e atravessar a crise sem tantos sobressaltos, abra uma conta MEI pelo aplicativo Net Empresa. Quer saber mais? Acesse mei.bradesco e se informe!

Fonte: Portal VAE – Globo

SimSite Banner

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui